At.1:4-5

“E, estando com eles, determinou-lhes que não se ausentassem de Jerusalém, mas que esperassem a promessa do Pai, que (disse ele) de mim ouvistes. Porque, na verdade, João batizou com água, mas vós sereis batizados com o Espírito Santo, não muito depois destes dias.”

“Não muito depois destes dias…” Se vocês já se alegram por estarem vestidos, e conscientes do vosso nome estar no livro da vida, dentro de poucos dias, que vocês terão outra grande marcante experiência.

Se, estamos em busca da presença de Deus e Seu poder, precisamos vencer a cada dia. (1Jo.5:4) Você já percebeu, que quando nos propomos a fazer algo para Deus, ou até como é o caso, buscarmos á Deus, acontece de tudo? Existem dias que nos sentimos como Elias clamando a Deus e pedindo fogo sobre o altar, mas outros nos sentimos presos em uma caverna com muito medo.

Na disciplina da busca pela presença de Deus, você passará por todo tipo de dia e situações, aliás, Deus não precisa de dia e nem situação para lhe visitar com Seu poder.

Ele visita com o Seu Espírito em um vale cercado de inimigos, como nos dias de Josafá, como visita em uma casa cheia de ouvintes como na casa de Cornélio. Ele, visita desde Sansão no chão pensando que vai morrer como, Sansão em pé, com portas de uma cidade sobre os seus ombros a meia-noite.

Seu dia pode estar difícil, mas busque ao Senhor. Adore-o.

Seu sentimento pode estar confuso, mas busque ao Senhor. Adore-o.

Sua força pode ser pequena, mas busque ao Senhor. Adore-o.

Seu choro pode estar sendo longo, mas busque ao Senhor. Adore-o.

Quando pensamos, que quase cento e vinte pessoas estavam reunidas em um mesmo propósito (At.1:15), isso não nos isenta pensar que, todos estavam perfeitamente “completos”. Talvez, algum teve um dia de incompreensão, outro de perda, outro de critica, outro de chacota, outro de zombaria, outro de questionamentos, outro de ameaças ou calunias, mas estavam lá.

Em Pv.24:10 ensina que no dia da angústia não cabe ser frouxo. Em Ef.6:13, aponta para uma vida forte antes, assistida antes, porque o dia mau existe, mas pode ser resistido. Em Ecl.7:14 está escrito que tanto o dia da prosperidade, quando o dia da adversidade precisam ser considerados. Considerar o dia seja bom, ou ruim deve ter a ajuda de Deus, senão entramos em parafuso. Preciso ver a bondade de Deus quando as coisas fluem bem, assim quando fluem mal. Talvez seja por isso que uma vida cheia de poder é demonstrada pela alegria no Espírito Santo, por isso que Paulo escreve em Fl.4:4 “Regozijai-vos sempre no Senhor, outra vez vos digo regozijai-vos.”

Qualquer que tenha sido o seu dia, o seu tempo, de que forma se encontre os seus ânimos e sentimentos, busque a Senhor e fortifique-se em sua graça. (2Tm.2:1)

O gozo que está para se provar valerá toda prova que você tem passado.

Quem sabe neste tempo de confusão de sentimento, Deus não te visite com Seu poder?

Quem sabe neste dia difícil, Deus não te visite com Seu poder?

Só mais um pouco, e você verá que valeu a pena.

Só mais um pouco, e o amigo Espírito Santo lhe surpreenderá.

Só mais um pouco, e você viverá o tempo do transbordamento.

Só mais um pouco, não desista!

Deixe seu comentário:
Fernando Cardoso
Fernando Cardoso
Casado, pai e serve a Deus na AD Perus Catedral.
EBFO 2019