A mente cheia do Espírito Santo pensa – Parte 1

“Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se  alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai.” Filipenses 4:8

Existem muitas coisas para pensarmos muito além de pensamentos comuns; pensamentos que brotam de uma mente cheia do Espirito Santo.

Antes de crescermos no conhecimento do versículo por partes, precisamos pensar em como está, onde está e como podemos conduzir nossa mente ao sublime convite: “Nisso pensai”.

O processo de mudança de mente, se dá quando a Palavra é penetrada pelo Espirito em nossa finita e difícil mente.

A entrada da Palavra em nossa vida vem com um poderoso processo de limpeza, pois sabemos que não é tudo de bom que se guarda ou se passa em nossa mente, logo; a limpeza se dá em nossa consciência, em nosso coração e em nosso espírito, tornando-nos pela Sua obra melhores perante Deus que é, Espirito.

O exercício de mudança de mente se dá, na atitude voluntária e sacrificial de não deixar moldar-se com o mundo, ou seja, seu sistema, que prende e cega, mas ser transformado pela renovação que tem como mentor a Pessoa do Espirito Santo.

É o Espirito Santo que no processo de convencimento, é capaz de levar-nos á sermos participantes da santificação.

A santificação é o resultado do trabalho do Espirito Santo, que nos move a sermos diferentes em toda a nossa maneira de viver, porque Ele, o Espirito Santo, moveu e move a nossa mente em toda a nossa maneira de pensar, e só conseguiremos harmonizar nossa maneira de viver com a nossa maneira de pensar, quando entendemos que a nova criatura tem a mente de Cristo.

Quando a mente de Cristo, que penso, que é uma mente cheia do Espirito Santo, domina nossa vida, nossos focos são outros e nossos pensamentos/vontades são minimizados, tudo pelo propósito de termos uma visão melhor, maior e mais clara das coisas. A partir daqui conseguimos desenvolver a arte de analisar se isto ou aquilo, vale a pena tomar tempo, vale a pena parar, em resumo, se vale a pena pensar.

Você será levado por aquilo que você pensar.

Uma mente que pensa com a mente de Cristo, já passou do natural para o espiritual, pois está escrito que a pessoa natural não compreende as coisas do Espirito, porque isso se entende pelo Espirito, logo, só poderá entender este mistério a pessoa que passou pela experiência do novo nascimento, pois quem nasce de novo nasce pelo Espirito, e só a partir daí se pode ter a real e efetiva ajuda do Espirito Santo, que começa na mente.

A mente cheia do Espirito Santo é capaz de ter a verdadeira avaliação se algo merece nossa atenção ou não,  por isso da recomendação da bíblica: “Nisso pensai”.

A mente cheia do Espirito Santo pensa.

Caminhe e pense, pensa e caminhe, seja qual for a ordem, sempre com uma mente cheia do Espirito Santo.

Até o próxima parte!

Deixe seu comentário:
Fernando Cardoso
Fernando Cardoso
Casado, pai e serve a Deus na AD Perus Catedral.
EBFO 2020