Mesa Convencional completou procedimento administrativo empossando presidências regionais

DA REDAÇÃO – A Convenção Nacional de Ministros da Assembléia de Deus do Ministério de Perus (CONAMADEMP) deliberou vários expedientes durante as plenárias, equalizando entendimentos, revisando o Regimento Interno e adicionando algumas prerrogativas ao rol de coletâneas que indicam o modus operandi da igreja mediante direitos e deveres reservados a líderes e liderados. Também despachou perante à Secretaria Geral, autorizando que as demais presidências regionais fossem empossadas.

Sob a liderança do pastor presidente, doutor Elias Cardoso, foram empossadas inicialmente as presidências dos estados que ainda não tinham sido chamadas (Cuiabá/MT, Campo Grande/MS, Umuarama/PR, Vitória da Conquista/BA, Caetité/BA, São Simão/GO, Nova Londrina/PR, Cabreúva/SP, Marília/SP e Ribeirão Preto/SP).

Na segunda chamada, localidades como jardim Cachoeira (São Paulo/SP), vila Perus (São Paulo/SP), vila Souza (São Paulo/SP), vila Santa Maria (São Paulo/SP), jardim Pirituba (São Paulo/SP), Jaraguá (São Paulo/SP) e Santo Amaro (São Paulo/SP) foram requisitadas junto de seus corpos diretivos a que se manifestassem perante a igreja para receber oração com imposição de mãos.

O último grupo de empoçamentos congregou algumas cidades da Grande SP: Caieiras/SP, Cajamar/SP, Campo Limpo Paulista/SP, Francisco Morato/SP, Franco da Rocha/SP, Itapevi/SP, Mairiporã/SP e Monte Mor/SP.

Além de informar que a diretoria regional de Rio Grande do Sul foi empossada no período da manhã por necessidade em adequar a viagem de retorno dos obreiros ao estado sulista, o presidente recapitulou que no sábado, outras seis regionais tinham sido empossadas em conformidade com o Regimento Interno e Estatuto que regem a administração do ministério. (Célio Campos)

Deixe seu comentário:
EBFO 2019