O que é estar no Cibemp Brasil?

Estar no Cibemp Brasil é se prontificar para um banquete espiritual. O que se testemunha no ambiente da Catedral da Assembleia de Deus – Ministério de Perus, na Zona Norte da capital paulista, é a manifestação generosa da glória de Deus.

Quando mulheres (e homens) de todas as idades testificam: “o céu desceu”, não é nenhuma força de expressão. Ou se alguém preferir declarar: “a igreja subiu” também não estará dizendo nenhuma inverdade.

Sob o olhar atento e condução firme do pastor presidente Elias Cardoso e missionária Lígia Cardoso, a AD Perus pode testemunhar em claro, alto e bom som que vale a pena ser leal a valores e princípios que diferenciam “o que serve a Deus e o que não o serve” (Ml 3:18).

Irmã Josefa, 83 anos, de São Simão, ladeada pelo
pastor Salatiel e missionária Azenate

Estar no Cibemp é ser edificado pelo exemplo da irmã Josefa Rafael do Nascimento que, aos 83 anos, enfrentou os 747km de São Simão até Perus. O pastor regional Salatiel Varela e a missionária Azenate Pereira dão testemunho da dedicação e empenho da ovelhinha especial que mesmo com o avançar dos anos continua viçosa e florescente.

São milhares de mulheres que se deslocam de todas as regiões da capital paulista, do estado, do País e até do exterior para, juntas, exaltarem a majestade santa. Quem chega com disposição de ser cheio, transborda. E até mesmo quem entra moribundo espiritualmente é contagiado pela alegria do Espírito que se manifesta de diversas maneiras no meio da multidão.

Estar no Cibemp é poder receber revelações do céu expressas nos cânticos, nas saudações ou “beijinho na flor”, como costuma-se dizer. Estar no Cibemp é mergulhar no oceano de conhecimento que a Palavra de Deus proporciona.

Estar no Cibemp é se impressionar, ser edificado, despertado, instruído, motivado ao ver mulheres de todas as idades, com todos os níveis de formação acadêmicas ou até mesmo com ausência de qualquer título. Elas servem como preletoras, profetizas, diaconisas, cooperadoras, levitas, líderes, zeladoras, cozinheiras, copeiras. Não importa a tarefa, mas sim, a missão: proclamar o amor de Deus.

Estar no Cibemp é ver a glória de Deus manifesta de modo multiforme. Quem não se recusa a ouvir a voz do Espírito Santo, sai de cada culto com a certeza de que foi salvo pela graça e se tornou um semeador da boa semente, por bondade e misericórdia do Senhor da Seara.

  • Caravana do Peru
Deixe seu comentário:
Midia AD Perus
Midia AD Perus
Departamento de Mídia e Comunicação do Ministério de Perus
EBFO 2019