Pastor Dorgival Nóbrega dorme no Senhor

No dia 11 de novembro, aprouve ao Autor da Vida recolher para si o pastor Dorgival Ferreira da Nóbrega, com 94 anos de uma vida frutífera para a glória de Deus. Com ficha de membro número 956 é um dos pioneiros da AD Perus que descansa do trabalho dedicado com que serviu aos santos até os últimos dias de vida terrena.
Em sua caminhada com Deus, contribuiu no ministério desde 1963 quando foi separado como diácono. Em 1964, se tornou presbítero, em 1990, evangelista e, em 1999, foi ordenado pastor.

Atuação como secretário

Pastor Dorgival durante Desfile Cívico realizado pelo aniversário da AD Perus

Além das atribuições ministeriais, por 35 anos atuou na secretaria da igreja. Assumiu como primeiro secretário em dezembro de 1973. A partir de 1975 até 1985, atuou como segundo secretário dos pastores Matias e Geremias Tiófilo. No meado da década de 1980, exerceu a função de secretário geral. Em 1995, assumiu novamente como primeiro secretário, permanecendo na função até janeiro de 2008.
Nos anos 70, 80 e 90, quando a tecnologia era uma realidade distante das secretarias das igrejas, ele mantinha 80 mil fichas dos membros e, também, de pessoas que estavam afastadas.

Adorador por excelência

Os contemporâneos testificam sua postura de “adorador por excelência”. Foi músico da banda e da orquestra, membro do grupo de varões da Catedral, não perdia ensaio. Mesmo aos 94 anos de idade gostava de sair com o grupo para atender convites. O pastor Francisco Alves, presidente de honra do Ministério, também dá testemunho do seu amor à Palavra de Deus e de como era aluno assíduo da EBD sendo um dos fundadores do grupo Abraão. “Um homem de Deus apaixonado pela Palavra. Um bom combatente, que nos ensinava sobre fé através de suas atitudes”

Deixe seu comentário:
CONTRIBUIR